PDFVersão para impressãoEnviar por E-mail
19Jun2015
| Escrito por Assis

PROCLAMAS DE ADMISSO ORDENAO DE PRESBTEROS

Carssimos diocesanos: paz, bem e consolao.

A nossa Diocese tem a alegria de apresentar os candidatos Sagrada Ordem dos Presbteros:

Dicono CARLOS EVARISTO JOS, filho de Evaristo Jos e de Emlia Mucueliua, natural de Inlugo, Distrito de Namarri, Provncia da Zambzia, Diocese de Gur, nascido a 04.08.1985, baptizado em 25.12.1994, crismado em 18.07-2004, completou os estudos teolgicos no Seminrio de S. Pio X, em Maputo, foi ordenado Dicono a 4 de Janeiro de 2014, na S Catedral de Gur; fez o estgio pastoral e diaconal no Seminrio Diocesano Propedutico S. Jos de Gur e na Casa Diocesana.

Dicono XAVIER JOAQUIM JAQUISSONE, filho de Joaquim Jaquissone e de Maria Paulo, natural de Nipivi, Distrito de Gur, Provncia da Zambzia, Diocese de Gur, nascido aos 21.07.1979; baptizado aos 03.04.1994, crismado aos 10.09.1997 completou os estudos teolgicos no Seminrio de S. Pio X, em Maputo, foi ordenado Dicono a 4 de Janeiro de 2014, na S Catedral de Gur; fez o estgio pastoral e diaconal na Parquia de Namarri, na Casa Diocesana e na Parquia de S. Paulo Apostolo de Naburi.

Eles manifestaram ao Bispo a sua livre e consciente vontade de se darem a Deus e Igreja para exercerem a Ordem Sagrada dos Presbteros como Padres Diocesanos desta Diocese.

Depois de ter pedido o parecer aos meus Conselheiros Diocesanos e aos que o acompanharam durante o perodo do estgio de pastoral e diaconal, peo aos Padres, Religiosos e Religiosas, Animadores das comunidades e fiis em geral que, em conscincia, vos manifesteis sobre a idoneidade de cada um dos candidatos referidos e, se for o caso, me comuniqueis directamente, ou por meio dos Padres das vossas Parquias e Capelanias, o que em conscincia julgueis necessrio dizer ao Bispo.

Este acontecimento deve ser motivo de alegria de todo o povo cristo; de crescimento na estima do sacerdcio; e de orao de toda a Diocese, como os Apstolos no Cenculo com Maria, a Me de Jesus. na espera do Esprito Santo,

, de facto, dever de todos os fiis da Diocese orar pelos candidatos ao Presbiterado, nossos futuros Padres, se Deus quiser. Devemo-lo fazer principalmente na orao universal das Celebraes Dominicais e em todos os momentos de orao da comunidade.

Casa Diocesana, Gur, 19 de Junho de 2015, Memria de S. Romualdo, Abade.

Sob a proteco de Maria, Me dos Sacerdotes e de toda a consolao

Vosso Bispo

+ Francisco Lerma Martnez

 

PDFVersão para impressãoEnviar por E-mail
18Maio2015
| Escrito por Assis

Breve crnica dos primeiros dias que seguiram Visita ad Limina

DEPOIS DA VISITA AD LIMINA

Na Quarta Feira, 13 de Maio,

ltimo dia da Visita ad Limina, os Bispos de Moambique, de manh cedo, celebramos a Eucaristia na Capela da Casa Sacerdotal do Roma.

Os ltimos encontros com os vrios Secretariados do Papa foram:

  • Com a Congregao para a Doutrina da F;

  • Com o Pontifcio Conselho para as Comunicaes Sociais

  • Com a Sacra Rota (Supremo Tribunal Eclesistico).

Na parte da tarde alguns dos Bispos comearam a viagem de regresso a Moambique.

14.05.2015.

Fiz visita Direco Geral dos Sacerdotes do Corao de Jesus (Dehonianos). Recebeu-me o Superior Geral e falmos demoradamente da presena da sua Congregao na nossa Diocese.

Na parte da tarde, na sede da Rdio Vaticana, assinei o contrato de colaborao da nossa Rdio Diocesana e a Rdio Vaticana. Brevemente a nossa emissora poder emitir os programas em lngua portuguesa e brasileira (nota: existem programas diferentes para Portugal e para o Brasil).

15 a 18.05.2015.

Fui a Milo para me encontrar com os benfeitores da Diocese, especialmente a Associao Pe. Mauro Calderoni, que nos tem enviados tantos bens durante os ltimos cinco anos.

Trata-se de um Grupo Missionrio, um grupo de vida apostlica e de orao, que assumiram colaborar tambm com o envio de bens materiais. Depois de visitar a campa do Pe. Mauro Calderoni, missionrio da Consolata, que trabalhou durante muitos anos na Diocese de Inhambane, do qual a Associao tomou o nome, celebrei a Eucaristia na Parquia do Imaculado Corao de Maria de Lissone, a poucos quilmetros de Milo, onde ele foi proco. O Padre Cunlela conhece este Grupo.

No Domingo 17.05.2015,

Na parte da manh, celebrei a eucaristia no Lar Universitrio e Casa Asilo das Irms da Caridade.

Na parte da tarde, visitei o Grupo Missionrio e a Parquia de S. Pedro, onde celebrei a Eucaristia dominical em rito Ambrosiano.

Voltei a Roma na Segunda Feira 18.05.15.

19.05.2015

Encontro com os Cleretianos, na sua Casa Geral, para tratar assuntos relacionados com a publicao do MAVEKELO

   

PDFVersão para impressãoEnviar por E-mail
12Maio2015
| Escrito por Assis

7 DIA DA VISITA AD LIMINA

7 DIA DA VISITA AD LIMINA DOS BISPOS DE MOAMBIQUE

D. Germano e o Cardeal Antnio Maria Vegli
I.- VISITA A PONTIFCIO CONSELHO DA PASTORAL PARA OS MIGRANTES E OS ITINERANTES

s 9.00H, da Tera Feira 12.05.2015, 7 Dia da Visita ad Limina, os Bispos de Moambique visitaram o Pontifcio Conselho para os Migrantes e os Itinerantes.

Este Pontifico Conselho foi institudo em 1970, pelo Papa Beato Paulo VI, com a incumbncia de providenciar o estudo e a aplicao da pastoral para as pessoas em movimento: migrantes, exilados, refugiados, prfugos, pescadores e martimos aeronavegantes, os que trabalham com os transportes estradais e nos parques de diverses, nmades, circenses, peregrinos e turistas. Enfim, para todos aqueles grupos de pessoas que, de maneira diferente, esto envolvidos no fenmeno da mobilidade humana, como os estudantes estrangeiros, os operadores e os tcnicos os cuais, para os grandes trabalhos ou pesquisas cientficas a nvel internacional, devem transferir-se de um Pas para outro.

O Dicastrio, dirigido pelo Presidente, S. Eminncia o Cardeal Antnio Maria Vegli; coadjuvado pelo Secretrio o Arcebispo D. Joseph Kalathiparambila; assistido pelo Subsecretrio, D. Gabriele Ferdinando Bentoghi.


O Cardeal Peter Turkson (izq) durante o encontro com os Bispos

II.- VISITA AO PONTIFCIO CONSELHO DE JUSTIA E PAZ


s 11.00H, os Bispos visitaram o Pontifcio Conselho de Justia e Paz. Foram refebidos por S. E. o Cardeal Peter Kodwo A. Turkson, Prefeito; pela sub-secretria Sr Flamnia Giovannelli e pelos colaboradores do Conselho.

O Papa Beato Paulo VI instituiu o Pontifcio Conselho de Justia e Paz em 6 de Janeiro de 1967. Tem como finalidade: promover a justia e a paz no mundo segundo o Evangelho e a doutrina social da Igreja.
Entre as directrizes recebidas no referido encontro, salientamos: a necessidade e importncia de trabalhar em rede junto com outras Conferncias Episcopais e at a nvel continental; a ateno situao da mulher; o problema da ocupao das terras em benefcio dos mega-projectos; os Direitos Humanos e o envolvimento dos leigos

O Encontro na Congregao dos Religiosos
. III.- VISITA A SAGRADA CONGREGAO PARA A VIDA CONSAGRADA E AS SOCIEDADES DE VIDA APOSTLICA.

Na parte da tarde, por volta das 16.00H, os Bispos visitaram a Sagrada Congregao para a Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostlica.

Na ausncia do Prefeito desta Congregao, S. E. Sr. Cardeal Joo Braz de Aviz, os Bispos foram recebidos pelo Secretrio o Arcebispo D. Jos Rodriguez Carballo; pelo Secretrio Pe. Sebastiano Paciolla; e a Secretria a Irm Nicoletta Spezzati.

Eis algumas directrizes, depois do dilogo entre todos os presentes:

- importncia da fidelidade ao prprio carisma; a vida comunitria, como elemento fundante da Vida Consagrada; o necessrio discernimento nas novas fundaes; a distino entre diaconia, carisma e misso; a formao de base (humana, crist e da vida religiosa); a pastoral vocacional; e as convenes entre as Congregaes e os Bispos.

-

 

PDFVersão para impressãoEnviar por E-mail
11Maio2015
| Escrito por Assis

Visita Congregao para o Clero. Pres. S.Eminncia Cardeal Stella

6 DIA DA VISITA AD LIMINA DOS BISPOS DE MOAMBIQUE

11.05.2015.

1. Missa com o Papa Francisco

s 7.00H do dia 11 de Maio de 2015, 6 dia da Visita ad limina, os Bispos de Moambique concelebraram com o Santo Padre, o Papa FRANCISCO, na Casa Santa Marta. Na sua homilia o Santa Padre falou da presena do Esprito Santo, que guia a vida da Igreja, nos faz lembrar os ensinamentos de Jesus e nos conduz verdade total.

2.Na Sagrada Congregao para o Clero (e seminrios)

s 9.30H, os Bispos visitaram a Congregao para o Clero. Fora recebidos pelo Cardeal Beniamino Stella, Prefeito da referida Congregao, pelo Secretrio o Arcebispo D. Jorge Merciel, pelo Secretrio para os Seminrios, D. Jorge Patrn Wong e pelos seus colaboradores directos.

Depois da apresentao de todos os participantes ao encontro, D. Claudio Dalla Zuanna, Arcebispo da Beira e Presidente da Comisso Episcopal do Clero, apresentou a situao do clero diocesano em Moambique. Houve vrias intervenes dos Bispos que sublinharam alguns aspectos mais importantes para serem tidos em considerao.

O Cardeal Stella deu algumas directrizes sublinhando especialmente: a espiritualidade e identidade e sentido de pertena do sacerdote; a direito a um sustentamento justo e digno; a formao permanente; o acompanhamento por parte dos Bispos; evitar o isolamento dos padres.

Na 2 parte do Encontro, D. Francisco Lerma, Bispo de Gur e Presidente da Comisso dos Seminrios e Vocaes, apresentou uma panormica da situaes das Vocaes e dos Seminrios em Moambique, nomeadamente a Pastoral vocacional nas Parquias, os Seminrios Propeduticos, Filosficos e Teolgico, estatsticas, instalaes, situao econmica, Formadores, Professores, situao acadmica e perspectivas para o futuro .

Eis as directrizes que foram indicadas:

a) a riqueza dos seminaristas em formao nos vrios seminrios;

b) os desafios: positivo unir as foras existentes em ordem a solucionar a parte acadmica; muito importante e prioritrio a formao dos formadores e professores , especializao e formao permanente.

Visita Congregao para o Culto Divino e os Sacramentos

3.Congregao para o Culto divino e a disciplina dos Sacramentos.

s 11.20H, os Bispos de Moambique foram recebidos por S. Eminncia o Sr. Cardeal Robert Sarah, Prefeito da Congregao; pelo Secretrio S. E. R. D. Arthur Roche; pelo Sub-seretrio Pe. Corrado Maggioni e pelo Chefe de Seco Mons. Gerard Njen.

D. Lcio Muandula, Presidente da Conferncia Episcopal apresentou um breve relatrio sobre a situao da Liturgia na Igreja em Moambique, sublinhando a dinmica das nossas comunidades ministeriais, a criatividade, o empenho dos fiis. No dilogo foram salientados mais outros aspectos relacionados com a aco litrgica (tradues e publicaes, construes de capelas).

O cardeal Sarah convidou os bispos para serem garantes da fidelidade ao esprito da liturgia, a identidade e vivncia do Padre com Cristo sacerdote; a construo do corpo vivo de Cristo, formado por pedras vivas, antes de um corpo de pedra

   

Pág. 157 de 218